Voltar



A ansiedade e o desempenho escolar das crianças! Saiba mais

Voce sabia que a ansiedade pode perturbar severamente o desempenho escolar da criança em pleno desenvolvimento?

A ansiedade é um sentimento normal e muito comum, tanto na vida dos adultos, como das crianças. No entanto, quando essa ansiedade é muito forte e impede a criança de viver sua vida normalmente ou de participar de atividades, pode ser uma situação mais séria, que precisa ser abordada e tratada para permitir um desenvolvimento mais completo.

Crianças pequenas geralmente têm maior dificuldade em relatar o que estão sentindo, e não sabem dizer que estão com ansiedade, já que elas próprias também não entendem o que é estar ansiosas. A ansiedade pode perturbar severamente o desempenho escolar da criança em pleno desenvolvimento! Por isso os pais tem um papel fundamental em identificar alguns sintomas.

Veja abaixo se o seu filho apresenta alguns desses sinais:



- DISCALCULIA
A discalculia é uma dificuldade relacionada a matemática, manipulação de números, onde a criança demora a perceber, a soma, divisão, e multiplicação, algumas até conseguem concluir operações matemáticas simples, porém com muita dificuldade. O indivíduo com discalculia geralmente é ansioso, tem medo do fracasso, e da opinião alheia. Devemos lembrar que a discalculia não é uma doença e sim uma condição crônica que em geral é encontrada com a combinação do transtorno de leitura ou expressão, e também TDAH.

- DISLEXIA
A dislexia é uma dificuldade de aprendizagem de origem neurobiológica, é caracterizada pela dificuldade de fluência correta na leitura, e por dificuldade na habilidade de tradução do sons em letras e das letras em seus sons. São essas limitações que geralmente resultam de uma dificuldade de linguagem, ou seja a criança não entende bem que cada palavra é formada por partes menores.
Crianças com dislexia geralmente demoram mais para começar a falar e tem dificuldade para pronunciar e aprender novas palavras, trocam por exemplo o T pelo D e o F por V, e quando crescem mesmo que superem algumas dificuldades, podem ficar mais "lentas" para ler e escrever, com isso a dificuldade de compreender vem e costumam evitar tarefas que exijam leitura.

- DISGRAFIA
A disgrafia também é conhecida como a "letra feia", porque as crianças que possuem esse tipo de distúrbio apresenta uma escrita com o traço não muito bonito. Onde o resultado é um desempenho desfavorável na escola, mesmo em alunos que possuem inteligência normal ou acima da Média. Essa deficiência na qualidade do traço reflete grande dificuldade para escrever corretamente e falar corretamente. O aluno tem dificuldades em coordenar as informações visuais e na realização motora.


Créditos do artigo:
Glaucia Mazuline - Psicopedagoga na Clinica Neuro Ativa

Quer saber mais, veja os contatos da Neuro Ativa clicando neste link

Créditos da edição e moderação:
Ana Paula Balog - Profissional de Marketing, Geração de Conteúdo e Moderadora no Mom's do ABC

Publicado em: 02/03/2021



Veja Também